ENDOMETRIOSE.

A doença afeta cerca de seis milhões de mulheres no Brasil. Atualmente, o atraso no diagnóstico inicial é, em média, de 7 a 10 anos. Nas pacientes que apresentam infertilidade, a endometriose pode existir em até 40% dos casos.